Breve Histórico da Paróquia

A Paróquia de Nossa Senhora do Lago está localizada no Lago Norte, bairro-península com os mesmos moldes da “bota itálica”, em Brasília-DF, e por estar rodeada pelo Lago Paranoá, foi esse o motivo para a escolha de seu nome, quando da sua instalação em 1982.

Nosso Pároco fundador, Gustave Desjardins, nascido no Canadá, trouxe de lá a idéia do nome de uma capelinha existente na Paróquia de Saint Hypolite, na sua cidade natal de Saint Gerome. A origem do nome de Nossa Senhora do Lago vem de Castelgandolfo ‚Äì Itália, oriunda da última invocação do Papa Paulo VI a Nossa Senhora, para homenagear a capela existente nas bordas do laguinho da residência de verão papal. Ao nosso conhecimento, portanto, somos a única Igreja no mundo a deter esse nome, já que os citados lugares de oração são apenas capelas.

Em Castelgandolfo existe apenas um ícone da Virgem Maria, de origem bizantina e desconhecida, que foi aproveitada para o lugar, não existindo ali imagem própria para a invocação de Nossa Senhora do Lago. Por isso, foi feita uma pintura de Maria por um artista do Lago Norte, Sr. Milton Ribeiro, paroquiano que até aquela data era ateu. Toda simbólica, expressa em sua estampa, segundo o autor: “o ar da Mãe dolorosa e que antecipa o sofrimento do Filho adorado, ainda bebê, que leva aos braços. Suas mãos são grandes, por que abraçam o Mundo e, por trás dela, se estende o Lago Paranoá, entre o cerrado do Centro-Oeste, com a Ermida de Dom Bosco ao fundo”. Esse marco simboliza o centro geográfico do Brasil e foi visualizado por São João Bosco em sonho profético: “vi aos meus pés, uma civilização futura em terras distantes, onde correria leite e mel, localizada entre os paralelos 15o e 20o e às margens de um lago”. Por isso, esse Santo italiano é o Padroeiro de Brasília.

Seu Pároco atual, Pe. Norbey Londoño Buitrago, é colombiano de Quimbaya, veio para o Brasil em 1989. Foi ordenado Sacerdote em janeiro de 1991. Com o falecimento de Pe. Gustave, foi nomeado Pároco em 1993.

Seu templo é composto de 06 gomos em forma de concha, intercalados por vitrais em acrílico com diversos tons de azul, com desenhos que sugerem água em movimento. As paredes em torno do altar tem a forma de uma gota, simbolizando o início, o princípio. Sobre ele existe uma abertura para entrada de luz natural. A capacidade da nave principal, com 20 metros de extensão, é de 500 pessoas sentadas. Sua porta principal, confeccionada em bronze com 03 metros de altura, representa a Anunciação da Virgem, sua mesa da palavra é apoiada sobre um Anjo de bronze e em seu Altar, com a pedra em granito azul e sustentado por dois anjos de bronze em posição de adoração, existem as relíquias de São John Newman, primeiro Santo americano e do nosso amado Frei Galvão.

A Capela do Santíssimo, lugar de grande beleza e próprio para meditação, é dedicada a Nossa Senhora de Guadalupe, Padroeira das Américas. Sobre seu altar existe uma abertura para entrada de luz natural, como no templo, e tem em uma de suas laterais, o Jardim dos Anjos, que serve de divisão com o Batistério, totalmente em tons de azul, com cúpula coberta também nesse tom.

A Igreja foi dedicada ao Senhor e consagrada a Nossa Senhora do Lago no dia 06 de maio de 2000, se tornando esse o dia dedicado à nossa Padroeira.

No dia 08 de fevereiro de 2002, a Lei 2.098 do Dep. Distrital Paulo Tadeu, decretou Nossa Senhora do Lago como Padroeira, mãe e rainha da VIII Região Administrativa de Brasília – Lago Norte.

Quer saber mais sobre a história da Paróquia?

Livro PNSL

Conheça o livro Paróquia Nossa Senhora do Lago – Uma História de Amor e saiba de mais curiosidades e fatos de nossa Paróquia